O Muro do PV

Para o torcedor raposeiro pior que o acesso do rival ao tão sonhado paraíso da Serie C, o mesmo que nós não conseguimos, seria ver o mesmo rival sagra-se campeão desse inferno que é a serie D.
O Treze teve seus méritos para alcançar o acesso e ao meu ver, somente uma vez teve seu desejo ameaçado, naquele empate do URT no final do jogo, que levou o time para os pênaltis. Depois, os outros jogos foram fáceis.
Não conseguir o acesso por causa de um pênalti doeu, matou mas, serviu para tentar de novo.
Já vimos o Treze na Série C. Nada de novo.
Estamos vendo o Botafogo nesse mesmo canto com risco de ir para onde já estivemos.
Agora, depois de ver o Treze chegar na C, vê-lo campeão era motivo para enfarte.
Seria a possibilidade de o Treze pintar em preto, uma verdade dentro de seu estádio, sendo assim, com o título nas mãos outra vez de Marcelo Vilar, as mentiras expostas circundando o gramado do PV, continuarão sendo motivos de deboche. Claro que o Treze não é campeão brasileiro da Serie B. Claro que não é o único campeão invicto do estado…
O Ferroviário perdendo outra vez no Amigão, virou o “Pai de Campina Grande” (sorte dele não ter enfrentado o Sport Campina!).
De fim das pelejas, hora de reagrupar. Remontar. Renascer.
Em dias de Diá já fomos felizes, a torcida é para que sejamos mais alegres e que continuemos contemplando a taça de Campeão do Nordeste, escrito com a tinta da verdade dentro e fora do Renatão.
Parabéns aos que sabem se reiventar.

Envie informações à Redação do PB Esportes por meio do Whatsaap através do telefone (83)996550823.
As informações dos colunistas não representam a opinião do site PB Esportes; a responsabilidade do texto é do autor.

Deixe um comentário