Coronavírus: CBF prevê férias coletivas para jogadores em abril

Em reunião realizadas por videoconferência nesta quinta-feira, entre a CBF e os representantes da Comissão Nacional dos Clubes (CNC), responsável por representar os clubes das Séries A, B, C e D do futebol brasileiro debateram a paralização do futebol brasileiro em virtude da pandemia do novo coronavírus.

No encontro ficou decidido que os jogadores irão entrar em férias coletivas de 1 a 20 de abril. Cada clube negociará com seus atletas as questões trabalhistas do período de coronavírus. A reapresentação será no dia 21 a depender da situação do país em relação ao cenário do Covid-19.

A proposta é que assim que os atletas voltarem aos treinos será dado prazo de 10 dias para recondicionamento físico e trabalhos táticos antes do reinício dos estaduais.

As entidades também discutem uma possível redução de salários dos jogadores durante o tempo de paralisação dos campeonatos. A negociação, atualmente, está na ordem de 25% de redução. A medida é vista como necessária para minimizar as perdas dos clubes durante a crise, mas é totalmente rechaçada pelos atletas.

Foto: Internet

Envie informações à Redação do PB Esportes por meio do Whatsaap através do telefone (83)996550823.

Deixe um comentário