Você se lembra de Vanildo?

Ele nasceu na belíssima cidade de Campina Grande, precisamente no dia três de abril do ano de mil novecentos e sessenta e um. Foi registrado pelos seus pais com o nome de Vanildo Araújo Leite, mas para o mundo da bola ele ficou conhecido como o ala “Vanildo”.

O nosso homenageado teve uma curta passagem pelo futebol de campo, iniciando em 1974 nas categorias de base do Treze Futebol Clube, o famoso Trezinho. Em 1980 e 81 ele jogou com a camisa do Estudante do bairro de Cruz das Armas, desta capital, onde foi destaque, resultando   em sua convocação para a seleção paraibana de Juniors que disputou a competição nacional sediada em Recife.
Em 1982 o nosso homenageado vestiu a camisa alvinegra do Santos Futebol Clube, do saudoso Tereré, disputando o campeonato de profissionais daquela temporada, sempre jogando de volante ou de meia atacante. A imprensa especializada rasgou elogios ao seu toque de bola preciso, objetivo e sempre visando o conjunto da equipe.
Mas o destino tinha reservado para Vanildo uma vitoriosa carreira nas quadras esportivas, jogando de ala em várias equipes de futebol de salão, o hoje denominado futsal. Tudo começou nas categorias de base da AABB, Associação Atlética do Banco do Brasil, com sede em Campina Grande.
Vanildo conquistou vários títulos defendendo as cores da então fortíssima equipe do Grêmio Recreativo São Braz, sendo campeão paraibano em 1985, tricampeão da cidade de Campina Grande nos anos de 85, 86 e 87 e campeão do Nordeste em 1987.
Em 1985 ele também foi campeão paraibano com as cores rubro-negras do Campinense Clube. Também conquistou a Copa do Interior da Paraíba defendendo a equipe da AABB de Campina Grande. Com as cores da forte equipe da Aliança, conquistou o vice-campeonato do Nordeste em 1989.
Quando as quadras do nordeste já tinham sido conquistadas por Vanildo, ele foi defender as cores da poderosa Associação Atlética Enxuta, equipe gaúcha que dominou por vários anos o futsal daquele estado e do país. Em 1989 ele conquistou o Circuito Gaúcho, a liga nacional e o sul-americano dentro de Buenos Aires. Também defendeu a seleção dos pampas conquistando o título nacional, disputado na cidade de Fortaleza, em 1991.
Vanildo defendeu as cores alvirrubras do América Futebol Clube, sagrando-se tricampeão Norteriograndense.  Em Natal ele também defendeu a seleção estadual em campeonato nacional, passando a ser um dos ídolos da bola pesada daquele estado.
Em 1994 ele encerrou a sua vitoriosa carreira de atleta, passando a exercer o cargo de treinador. Hoje, radicado na sua querida cidade de Campina Grande, ele recorda com saudade dos gols marcados, das assistências milimétricas que saíram de seus pés e dos inúmeros troféus que as suas mãos levantaram.
Para nós torcedores, cronistas e desportistas ficou a certeza de que o cidadão Vanildo Araújo Leite, o popular “Vanildo”, escreveu o seu nome, com tintas douradas e perpétuas na brilhante história do futsal brasileiro.

Deixe um comentário