O FUTEBOL E O LADO ESQUECIDO

O futebol assim como todos os produtos deve ser “Segmentado”. Através da segmentação a marca ( no caso os clubes) trabalham focados no alvo a ser alcançado em cada canal. No futebol atual, os clubes focam e dirigem as suas ações de Marketing com muita força já que o seu maior canal vive a era digital, porém esquecem (é regra) que existe um determinado público (canal dentro do segmento) que não acompanha este mundo tecnológico e que tem um “perfil” muito importante a darem aos clubes.

Eles pagam a vista seus produtos, compram seus ingressos a preços cheios, por muitas das vezes pegam coletivos e provam seu amor a cada disputa. Este público tem idade adulta até terceira idade e estão nas feiras livres, no pequeno comércio varejista, nos ambulantes e muitos nos autônomos.

Eles não acompanham os integram do seu clube e nem a sua fanpage ou sites, mas quando o assunto é o seu time de coração ele mete a mão no bolso e paga. Mas, infelizmente a regra é clara nos clubes a de que este público é o lado esquecido do futebol.

O CAMINHO CERTO

É muito comum no futebol os clubes ficarem a lamentar as dificuldades e protocolar a solução para quando encontrar uma solução, porém futebol é muito mais que resultados. Ao ver os clubes paraibano já anunciando seus treinadores e buscando caminhos e nomes para contratações assim como já fizeram com seus anúncios dos treinadores no caso de treze, campinense e botafogo mostram que estão no caminho correto do programa. O momento é de organizar e planejar para que possam por em prática o mais breve possível e acima de tudo, quando se inicia cedo os trabalhos com planejamento, as possibilidades de bons resultados são bem maiores. Ou seja, segue a linha de “Quem cedo madrugada, Deus ajuda”

Qual o destino de Piza no Botafogo-PB?

O Botafogo decide no dia de hoje o destino de seu treinador Evaristo Piza. Se de um lado parte da direção é favorável à sua permanência, pelo lado do torcedor parte mais forte é a sua saída. Mas, vamos… Os números de Piza são positivos? Sim! Com certeza os melhores números tempo e resultado dentro desta década sem dúvidas nenhuma. Com ele o Botafogo voltou “naturalmente” a vencer fora de casa coisa que o torcedor não vai lembrar de alguém tenha estes feitos fora dos domínios.

Ele está no nível TOP dos treinadores do nordeste? Sim! Se alguém foi destaque aqui no nordeste nos últimos tempos não eram da nossa região e os do nordeste que tiveram bons números foram em curto prazo e quem garante que terá ou teve a regularidade do Piza? Ele perdeu o controle da equipe? Não.

Os fatos ocorridos extra campo e que impossibilitaram ele de usar alguns em algum jogo já foi assumido pela direção às punições impostas. Ou seja, fora de campo é fora de campo dentro eles tem as cobranças naturais. É um bom leitor de desempenho nos jogos? ( leitura) Sim! E talvez uns dos melhores que vi. Na máxima que treinador não joga e que terá as lições acontecidas para torna las positivas eu diria… Piza sim! Vamos lá e de diga algo contrário?

QUEM SOBE PRA ELITE?

Hoje nós teremos o início do campeonato paraibano da segunda divisão. Não! Eu gostaria de denominar série B do paraibano. Por um motivo simples. A dignidade dos grupos são as mesmas! O que podem mudar um pouco este quadro sejam as dificuldades financeiras e o valor das marcas para os investidores.

No aspecto futebol de bola rolando vamos ver este ano um campeonato mais competitivo, porém com menos medalhões nas equipes. As altas taxas aplicadas para ser disputada e a crise financeira, fizeram os clubes terem seus investimentos bem menos relativos a temporadas passadas. Assim, vamos ver clubes tradicionais como auto esporte e desportivas frequentadores da série A bem emparelhados com a força do São Paulo, com a juventude de um Spartax, com a organização de um Sabugy, dos andarilhos internacional e Femar, do miramar confortável por ter voltado para casa. E todos os demais no mesmo nível. Sem dinheiro e criatividades é o que vão prevalecer nesta competição de sacrifícios para todos. Um tempo a mais ou de menos nos treinos podem fazer a diferença na assimilação e pronto.
Não tem favoritos pra começar.
Então, vamos torcedor pelo sucesso das superações a TODOS.

É IMPOSSÍVEL PREVER.

Estamos as vésperas da abertura da segunda divisão 2019. Diante das altas taxas para as participações aos clubes das quais foram impostas este ano, torna-se uma competição muito imprevista de apontarmos quaisquer favoritos nesta competição. O tempo geralmente usado pelos clubes participantes em contratações, planejamentos e fechamento de parcerias, foram trocados por preocupações de “como conseguir participar” Com este pesadelo, todos se viram nas circunstâncias de refazerem seus investimentos e tentarem apoios e milagres para conseguirem levantar os valores das taxas para participarem. Com isto restou a TODOS apostarem o mais alto possível nas bases. Com esse “drama” a ser vivido e pelo curtíssimo tempo que todos tiveram, só nos resta a certeza de ser impossível qualquer previsão de favoritismo.
Vamos aguardar para vermos quem mais rápido vai reagir com resultados em campo e conseguir pagar as “taxas do pesadelo”