PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
jhony-bezerra-publicidade2

Deu Mogi! Com uma boa partida do trio Wesley, Douglas Santos e Fulvio, o Mogi das Cruzes venceu a Unifacisa, por 77 a 70, e abriu 1 a 0 no playoff oitavas de final do NBB da atual temporada. Nesta quarta-feira (21), o time do técnico Guerrinha errou menos durante todo o duelo, contou com o experiente armador comandando e abriu vantagem na busca por uma das vagas nas quartas de final.

Com quatro jogadores marcando pelo menos 13 pontos, os destaques do Mogi no confronto foram o ala Douglas Santos e o armador Fulvio, com 17 pontos, além da pontuação o experiente camisa 2 deu oito assistências . Pelo lado da Unifacisa, o maior pontuador do time, e do jogo, foi Pastor, com 18.

“Um passo muito importante para nós, principalmente em um playoff melhor de 3. Foi um jogo muito parelho, as nossas trocas foram de suma importância. Cada jogo vai ter um desequilíbrio, hoje foi a nosso favor. O nosso coletivo foi de suma importância”, comentou Fulvio.

O jogo

Assim como a partida entre Bauru x Caxias do Sul, Mogi das Cruzes e Unifacisa começaram o confronto errando muito e deixando o placar próximo e baixo nos primeiro minutos. Próximo da metade do primeiro quarto, o time de Campina Grande conseguiu duas bolas de fora, com Vezaro, e assumiu a frente do marcador, com 8 a 6. 

Na segunda parte do quarto, o time de Guerrinha cresceu. Com uma bola de fora de Fulvio, o Mogi das Cruzes voltou a liderar a partida e fechou os primeiros 10 minutos de jogo com a vantagem, tendo 15 a 12. 

Na volta para o segundo quarto, os times passaram a maior parte do tempo trocando cestas, com cada um dos times levando a melhor em determinado momento e o placar seguiu próximo até a reta final. Com pouco mais de três minutos, o Mogi acertou uma bola de fora com Douglas Santos e a diferença subiu para 30 a 23 e o jogo parou. 

Na volta, os dois times seguiram trocando cestas, a vantagem seguiu na casa de 10 pontos. Na reta final do 1º tempo, com uma bola de fora de Vezaro, a diferença caiu para sete e foi para o intervalo em 45 a 38. 

“Nas trocas de defesa deles estamos tendo problema. Precisamos melhorar na defesa, deixar o placar mais próximo ainda para conseguir a virada no jogo no 2º tempo”, comentou Vezaro. 

Mogi cresce e vence

A volta do intervalo foi um pouco diferente. Chamando a responsabilidade, Betinho passou a definir mais os ataques e a Unifacisa encostou, com 40 a 36. Contudo, com erros em sequência do time de Campina Grande, o Mogi voltou a dominar e com uma enterrada de Wesley, o marcador subiu para 45 a 36.

Na sequência do duelo, a Unifacisa melhorou dos dois lados da quadra. Marcando melhor, o time da Paraíba aumentou seu volume de jogo e cortou a desvantagem para cinco pontos, com 51 a 46. Nos últimos ataques do quarto, o Mogi foi melhor, voltou a abrir sete pontos, com 53 a 46, e ficou a 10 minutos da vitória.

O último quarto de partida a Unifacisa foi para o tudo ou nada e começou com uma bola de três de Vezaro. No seguimento do duelo, apesar de marcar muito melhor, a equipe paraibana seguiu atrás do placar, com 60 a 58. Já na reta final do jogo, o Mogi contou com Fulvio cadenciando o duelo e Wesley conseguindo pontuar para abrir 70 a 62 faltando 3 minutos para o fim.

Na reta final do confronto, o time paulista soube controlar a vantagem e manteve a diferença acima de duas posses de bola. Com isso, mesmo com as tentativas da Unifacisa para encostar de vez, o Mogi soube fechar o jogo, venceu por 77 a 70 e abriu 1 a 0 na série oitavas de final.

Foto: Mariana Sá/LNB

PB Esportes com informações do Olimpíada Todo Dia