jhony-bezerra-publicidade2
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
publicidade-horizontal

Não faz muito tempo desde o título paraibano do Campinense. Desde então, mais três jogos e apenas quatro pontos ganhos, com direito a derrota para o Sousa, rival justamente naquela final. Na visão do zagueiro Itallo, que chegou ao time na reta final do Paraibano e fez seu primeiro jogo como titular no último jogo, contra o Treze, a vitória estadual fez com que o ego subisse dentro do elenco da Raposa, que, agora, precisa voltar os pés ao chão para poder correr atrás do acesso.

“A questão de um pós-título é sempre cautelosa. É lógico que, pelo fato de a equipe ser jovem, existe aquela afobação, porque o clube não conquistava um título havia muito tempo, e muitos nunca tinham conquistado um título por um clube com a expressão e a tradição do Campinense”, afirmou o defensor, que tratou essa reação como normal.

PUBLICIDADE

“Isto é normal no futebol, subir um pouquinho do ego, mas agora é hora de manter os pés no chão, de saber que estamos em um clube que é movido a conquistas. Já passou, fomos campeões paraibanos, mas a chave virou, e agora é ir em busca do acesso”.

Hoje, o Campinense é vice-líder do Grupo 3 da Série D, apenas um ponto atrás do líder, mas, também, com só um ponto de vantagem sobre o quinto colocado, América-RN. Com esse caráter embolado do grupo , cada ponto perdido pode fazer a diferença.

Com isso, Itallo reforçou a importância da disputa nacional para o clube, que não ganhava o Paraibano há cinco anos, mas não participa da Série C há 10.

“Não vai adiantar de nada chegar na Série D e não conquistar o acesso, só ter conquistado o Paraibano. Lógico, foi um título, mas eu creio que o mais importante é o acesso, colocar o Campinense de volta a uma vitrine nacional, de volta a uma Série C, que eu ainda acho pouco para a grandeza do clube, mas é um projeto a longo prazo, e eu tenho certeza que a torcida ficará muito feliz”.

Foto: Samy Oliveira\ Ascom Campinense

PB Esportes com informações de Vitor Aguiar\ NE45

PUBLICIDADE