PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE MARE DISTRIBUIDORA HORIZONTAL-min (1)
Foto: Guilherme Drovas

O Botafogo-PB chega na última rodada da primeira fase da Copa do Nordeste dependendo apenas de si para conquistar uma das vagas nas quartas de final da competição, porém, a missão não é assim tão simples. Neste sábado (19), o Belo vai até São Luís-MA, e precisa vencer o Sampaio Corrêa, às 17h45, no Castelão, se não quiser depender de outros resultados.

Terceiro colocado no Grupo B, com 12 pontos, o Alvinegro da Estrela Vermelha inicia a partida no G-4, mas uma derrota (ou até mesmo empate) no duelo com a Bolívia Querida, fará com que os botafoguenses passem a torcer para que ao menos dois, dos quatro clubes logo abaixo na tabela de classificação não ganhem seus confrontos – Náutico (4º lugar com 11 pontos), Bahia (5º lugar com 10 pontos), Sousa-PB (6º lugar com 10 pontos) e Altos-PI (7º lugar com 9 pontos).

PUBLICIDADE

Com esse cenário, e mesmo atuando fora de casa diante de um adversário que também briga em sua chave por um lugar no mata-mata do Nordestão, o meia Esquerdinha garante que a equipe paraibana entrará em campo determinada para voltar à João Pessoa com a vitória e, consequentemente, com a vaga para a próxima fase na bagagem.

“Será um grande desafio, até porque o Sampaio Corrêa está numa situação que também necessita dos três pontos e vai jogar ao lado do seu torcedor. Mas estamos focados no que a gente precisa fazer e prontos para encarar a pressão. Não temos nem que pensar nos outros jogos da rodada, e sim, em fazer a nossa parte. Nos preparamos muito bem para esse jogo durante essas duas semanas, e o torcedor botafoguense pode esperar um time aguerrido, batalhador, que vai em busca do resultado positivo a qualquer custo. Respeitamos o Sampaio, mas não passa pela nossa cabeça outra coisa a não ser retornar com a classificação”, afirma o meio-campista.

PB Esportes com Assessoria de Imprensa\ Luiz Gatti

PUBLICIDADE