PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE MARE DISTRIBUIDORA HORIZONTAL-min (1)
Foto: Rennê Carvalho/ABC F.C.

O ABC conseguiu uma vitória difícil contra o Campinense/PB por 1 a 0, na noite deste sábado (23), no estádio Frasqueirão, em Natal. O jogo foi válido pela Série C do Campeonato Brasileiro e o Alvinegro “dorme” na segunda colocação com sete pontos. O Botafogo/SP lidera com a mesma pontuação e um gol a mais que os potiguares.

O Alvinegro foi para campo com um grande reforço. O atacante Wallyson, ídolo da Frasqueira, conseguiu a liberação junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e foi escalado pelo técnico Fernando Marchiori.
Pelos lados do Campinense, o técnico Ranielle Ribeiro, que começou a carreira no Alvinegro, escalou o que tinha de melhor para a partida em Natal, com destaque para o artilheiro Olávio.
E aos seis minutos de bola rolando, Wallyson mostrou porque faz falta quando não está em campo. O atacante recebeu na área, driblou três e mandou um “balaço”. O goleiro Mauro Iguatu fez uma grande defesa.
Aos 13 foi Pedro Paulo quem salvou o ABC. Numa bobeira da zaga, a bola cruzada ficou na cara do gol para Dione cabecear. O goleiro abecedista fez uma grande defesa com os pés.
O jogo ficou igual, com espaço e ataques dos dois lados. Aos 31, quase sai um golaço do time potiguar. Wallyson achou um passe maravilhoso por elevação. Fábio Lima se antecipou aos zagueiros do Campinense e tocou de cabeça. A bola “tirou tinta” do travessão de Iguatu.
O jogo seguiu em alta velocidade. O Campinense tocava a bola e esperava o espaço para lançar nas costas da zaga abecedista. O Alvinegro tentava os passes de primeira e a individualidade. Numa dessas, aos 42, Fábio Lima recebeu na área e chutou. A bola “explodiu” no travessão e o primeiro tempo terminou mesmo 0 a 0.
O Alvinegro voltou com três mudanças. Raphael entrou no lugar de Varão, Jefinho substituiu Eduardo e Marquinhos foi para a vaga de Thalyson. A intenção era garantir, no ataque, um homem de área e, no meio, mais presença e criatividade.
Apesar das mudanças, o melhor em campo, por parte do ABC, já estava jogando desde o início da partida. Kelvin apareceu em todos os melhores momentos do Alvinegro. Numa das melhores, aos 32 ele recuperou no meio e chutou. Iguatu deu rebote, mas Jefinho não aproveitou. 
Aos 41 minutos finalmente o torcedor abecedista pôde tirar o “nó da garganta”. Em boa jogada pela esquerda, o cruzamento veio na medida para Giovani fazer o gol da vitória por 1 a 0 do ABC. Marcos Vinicius ainda foi expulso.

PUBLICIDADE

PB Esportes com informações da Tribuna do Norte

PUBLICIDADE