PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE MARE DISTRIBUIDORA HORIZONTAL-min (1)
Foto: Samara Miranda\ Ascom Remo

O Remo venceu o Campinense, na noite desta segunda-feira (6), pela Série C do Campeonato Brasileiro. A partida foi disputada no Estádio do Baenão. O Leão venceu com gols de Brenner, Erick Flores, Daniel Felipe e Vanílson. Com o triunfo, o clube azulino subiu para a quinta colocação e se firma no G8.

Pela décima rodada, o Remo volta a campo na próxima segunda-feira (13), às 20h, no Estádio Raulino de Oliveira, contra o Volta Redonda. Em caso de vitória e uma combinação de resultados, o Leão pode saltar para a vice-liderança. Já o Campinense irá enfrentar o Manaus-AM no próximo sábado (11), às 17h, no Amigão.

PUBLICIDADE

A partida

O Remo começou melhor a partida, exercendo pressão sobre o adversário. Com o passar do tempo, o Leão passou a errar passes na saída de bola, o que proporcionou mais chances de gols ao Campinense. No entanto, foi o Leão que conseguiu marcar, no entanto foi invalidado: Anderson Uchôa aproveitou um rebote do goleiro Mauro Iguatu e mandou para o gol, mas a arbitragem pegou o impedimento.

Já aos 32 minutos, o gol foi legal. Bruno Alves roubou a bola de Filipe Ramon e avançou para dentro da área. No terço final de campo, o atacante cruzou rasteiro para Brenner, que só precisou empurrar para dentro do gol.

Quatro minutos depois, o Leão ampliou e com um golaço de Erick Flores, que retornou ao time, após passar alguns dias preso – por uma dívida de pensão alimentícia. Erick roubou a bola de Pedro Victor, driblou o zagueiro Márcio e mandou de cobertura, por cima de Mauro Iguatu. O meia azulino comemorou bastante emocionado.

Virou goleada

No segundo tempo, o Remo transformou a vitória em goleada. Bruno Alves cobrou escanteio na área. Daniel Felipe mandou para o gol como manda o figurino: cabeçada para baixo. A bola quica ne frente de Mauro Iguatu e entra para fazer o terceiro do Leão.

Aos 25 minutos, após o técnico Paulo Bonamigo promover algumas mudanças, foi a vez de Vanílson marcar o quarto. O goleiro Mauro Iguatu se enrolou com Pedro Victor na defesa e a bola sobrou para o centroavante azulino, livre, que também só teve o trabalho de empurrar para o gol. Placar final: quatro a zero para o Remo.

PB Esportes com informações do OLiberal

PUBLICIDADE