PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
Foto: Rede Social

A Perilima confirmou, nesta quarta-feira, o nome do técnico Caé Cunha para a temporada de 2022 na Segunda Divisão do Campeonato Paraibano. O treinador, que já está em Campina Grande, retorna à cidade após a conquista do título do Estadual pelo Treze, em 2020, como auxiliar técnico de Moacir Júnior.

O pernambucano assume a equipe com o objetivo de conquistar o acesso para a Primeira Divisão do Paraibano e possui, em seu currículo, outras experiências com o mesmo objetivo. Em 2011, com o Capital Cristalina e Sobradinho para a Primeira Divisão do Distrito Federal, onde atuou nos dois clubes como auxiliar técnico. Em parceria com Marcelo Chamusca, Caé ainda anota os acessos para a Série C com o Salgueiro, em 2013; para a Série B com o Guarani, em 2016; e para a Série A com o Ceará, no ano de 2017, todos como auxiliar direto de Chamusca.

PUBLICIDADE

“Para mim é uma honra assumir a Perilima nessa competição importante no cenário do futebol paraibano. Quando o desafio é grande, a oportunidade é imensa. Então encaramos esse desafio como uma grande oportunidade. Estamos em busca do acesso e, diante dessa possibilidade, a gente também quer brigar pelo título, respeitando todos os adversários, todas as equipes que já estão trabalhando, profissionais e treinadores de outras equipes que estão em busca do mesmo objetivo”, declarou o treinador.

Caé Cunha possui licença A da CBF Academy e esteve no Coruripe na temporada de 2022, durante a Copa Alagoas, onde conquistou a segunda melhor campanha na fase classificatória. Como treinador, Caé tem passagens pelo Americano-RJ, União-MT, Horizonte-CE e Floresta-CE. Além disso, participou da campanha da Águia de Campina na Copinha deste ano.

Também como auxiliar, Caé foi campeão do Distrito Federal com o Brasiliense (2011); campeão cearense com o Fortaleza (2015) e bi campeão com o Ceará (2018); campeão paraense com o Paysandu (2017) e ajudou a colocar fim no jejum de títulos do Treze, com o Estadual de 2020.

Caé Cunha seguirá o trabalho que já vinha sendo realizado pela comissão técnica interina sob o comando de Rafael Borges e o auxiliar Alix Silva. O treinador terá como auxiliar Rafael Borges e Alix Silva, profissionais fixos do clube.

“Vamos procurar crescer durante a competição, colocar em prática toda nossa metodologia, conceitos e modelo de jogo. É claro que não vamos abandonar o que já foi feito pela comissão técnica já vem fazendo. Esperamos, no momento adequado, correto e decisivo da competição, estarmos prontos para decidir e conquistar”, finalizou Caé.

A Perilima estreia na competição neste domingo, diante do Femar.

PB Esportes com informações da ASCOM Desportiva Perilima

PUBLICIDADE