PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
Foto: Filippo Ferrari

Após uma pausa para a janela da FIBA, o NBB está de volta e com ele o basquete Unifacisa, que entrou em quadra na noite desta quinta-feira para enfrentar o Rio Claro, fora de casa, no Ginásio Felipe Karam, no interior de São Paulo. Mesmo pontuando bem e fazendo um bom segundo tempo, a Unifacisa não encontrou um bom ritmo defensivo na primeira etapa da partida e acabou perdendo para o Rio Claro, que teve uma noite fora da curva no ataque, pelo placar de 104 a 80.

Os destaques da Unifacisa ficaram por conta de Jimmy, com 15 pontos e 3 rebotes. Antônio, com 12 pontos e 6 rebotes. Seguidos por Sebastian Vega, com 10 pontos e 6 rebotes.

PUBLICIDADE

A Unifacisa segue no estado de São Paulo, desta vez para enfrentar o Franca, atual líder e campeão do NBB, no próximo sábado, 19, às 18h, com transmissão ao vivo pela Rede Ita e Youtube do Basquete Unifacisa.

O Jogo

Os donos da casa abriram o placar com Wesley, para 3 pontos. A resposta da Unifacisa veio com Guilherme Hubner, mostrando recurso dentro do garrafão. O Rio Claro seguiu apostando nos arremessos do perímetro, onde teve um bom aproveitamento e abriu vantagem, forçando um pedido de tempo de César Guidetti. Após o tempo a equipe voltou atacando melhor, Jimmy foi o destaque com 100% dos arremessos convertidos, incluindo um de 3 pontos para recolocar a equipe de volta no jogo. Mas, o time paraibano acabou pecando na defesa, cedendo 4 rebotes ofensivos para o Rio Claro, que acabaram fazendo a diferença para que a equipe mandante fechasse o primeiro quarto com uma parcial de 28 a 16.

A Unifacisa teve uma melhora defensiva até metade do período, onde a equipe cedeu apenas 10 pontos. O ataque não funcionou com tanta fluidez, mas a equipe trabalhou de forma eficiente, aumentando o volume de jogo e com boas corridas ofensivas, que mantiveram o time na frente do placar durante boa parte do quarto. Mas, o Rio Claro voltou a ter um bom aproveitamento nas bolas de 3 pontos, foram 7 convertidos de 12 tentados, uma média de 58% de acerto contra 37% da Unifacisa no mesmo quesito. Graças ao bom aproveitamento, o time paulista retomou o controle do jogo, fechando a parcial de 32 a 25 antes do intervalo.

O Rio Claro voltou do vestiário e manteve o seu bom momento no jogo, atacando bem a cesta e imprimindo um ritmo forte. Já a Unifacisa não conseguiu encaixar seu jogo no início da segunda etapa, a equipe campinense teve dificuldade para pontuar, e também dificuldade de conter o ataque do Rio Claro, que esteve em uma noite inspirada e anotaram uma corrida de 12 pontos para iniciar o período. A Unifacisa ainda mostrou uma boa reação e fez a sua melhor parcial na partida, 20 a 19.

O período final também foi bem equilibrado, 24 a 20, mas a vantagem construída pelo Rio Claro durante o primeiro tempo, impediram a equipe de buscar o placar e acabaram perdendo, mesmo pontuando bem, pelo placar de 104 a 80. 

“Uma derrota dura, o NBB é um campeonato muito equilibrado, onde as equipes fazem valer o mando de quadra. Sabíamos que para vencer aqui em Rio Claro precisávamos entrar com uma forte defesa, mas não conseguimos imprimir a intensidade que é necessária para vencer jogos assim. Agora precisamos corrigir esses erros, temos um campeonato importante pela frente e o nosso ritmo precisa ser outro para que possamos melhorar”, comentou o ala-pivô da Unifacisa, Antônio.

PB Esportes com informações da Ascom\Unifacisa

PUBLICIDADE