Foto: Pedro Santiago
AnyConv.com__APOIE NOSSO TRABALHO (1)
PUBLICIDADE-JARBAS (2)
Sebastião

O árbitro da partida entre Santa Cruz-RN e Sousa pela Série D, Raimundo José Chagas Araujo, do Maranhão, foi afastado temporariamente pela Comissão de Arbitragem da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

O juiz protagonizou uma das grandes polêmicas da Série D deste ano ao marcar um pênalti para o Santa Cruz-RN no final da primeira etapa. Na ocasião, os jogadores de ambas as equipes sequer entenderam o motivo da marcação.

PUBLICIDADE

De acordo com a Comissão de Arbitragem, Raimundo cometeu um erro involuntário e por isso foi incluído no Programa de Apoio ao Desempenho da Arbitragem (PADA), sendo afastado de toda e qualquer designação enquanto perdurar seu treinamento no Programa.

Confira nota da Comissão de Arbitragem:

Todas as informações recebidas até o presente momento, em relação ao lance citado, são compatíveis com um equívoco técnico involuntário do árbitro (…) a Comissão de Arbitragem resolveu incluir o Árbitro no Programa de Apoio ao Desempenho da Arbitragem (PADA) e o afastou de toda e qualquer designação enquanto perdurar seu treinamento em tal programa.

O lance

Em jogo marcado por polêmicas, o Sousa Esporte Clube foi derrotado pelo Santa Cruz-RN por 2×0 na Série D do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Paulinho e Tiringa. O que chama atenção é a forma que o primeiro gol foi feito. Os jogadores de ambas as equipes sequer entenderam o motivo da marcação da penalidade pelo árbitro Raimundo José Chagas Araujo (CBF-MA), com o lance sendo originado de um lateral longo no último minuto da primeira etapa para o Santa Cruz-RN.

O presidente do Sousa, Aldeone Abrantes falou sobre lance. “Vou pedir a Polícia Federal para investigar. Eu não participo de esquema de jogo, não participo de esquema de aposta. O Sousa é um time que joga na bola e isso aí não tem outra justificativa que não seja casa de aposta”, declarou.

Na primeira etapa do confronto, o Sousa começou bem, explorando os contra-ataques e criando duas boas oportunidades de gol. No entanto, após a parada técnica, o Santa Cruz-RN passou a dominar as ações, pressionando constantemente o adversário. Nos acréscimos do primeiro tempo, Paulinho converteu um pênalti coberto por polêmicas.

Após o fim da primeira etapa, os jogadores do Sousa, acompanhados por alguns membros da comissão técnica, cercaram o árbitro Raimundo José para reclamar sobre a penalidade assinalada.

PB Esportes com informações de João Pedro Gomes – MaisPB

PUBLICIDADE