PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
jhony-bezerra-publicidade2

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Paulo César Salomão Filho deferiu a solicitação da Procuradoria Geral da Justiça Desportiva e  suspendeu preventivamente por 30 dias o presidente do Sousa, Aldeone Abrantes.

De acordo com a súmula do árbitro sergipano Eloane Gonçalves Santos, após o empate do Sousa com o Campinense, por 1 a 1, pela 1.ª rodada do Campeonato Paraibano, o mandatário do Dinossauro invadiu o gramado para fazer criticas a arbitragem e teve que ser contigo pela policia.

Foto site FPF

O presidente do STJD acatou o pedido da procuradoria, que denunciou Aldeone pelos artigos 258B e 243F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Com a decisão o dirigente fica suspenso de suas atividades no clube pelo período de 30 dias.