PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE MARE DISTRIBUIDORA HORIZONTAL-min (1)
Foto: Aldeone Abrantes

O Ministério Público Estadual, por meio do procurador do Ministério Público e coordenador da Comissão Estadual de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios, Valberto Lira, autorizou neste sábado (22) apenas 600 torcedores no estádio Marizão neste domingo para o jogo entre Sousa e CSA-AL pela Copa do Nordeste, diante do não recebimento de todos os laudos de vistoria técnica exigidos pelo Estatuto do Torcedor por parte da CBF.

O procurador Valberto Lira isentou o time do Sousa por essa redução da presença de público no Marizão.

PUBLICIDADE

Em entrevista ao PB Esportes, o presidente do Dino, Aldeone Abrantes falou que houve um erro de digitação no laudo por parte da prefeitura de Sousa ao enviar o documento para do Corpo de Bombeiros.

O Sousa enfrenta o CSA-AL neste domingo (22), às 18h, no Marizão pela 1ª rodada da Copa do Nordeste.

PUBLICIDADE