PUBLICIDADE-HORIZONTAL-SEBASTIAO
FABIO-PUBLICDADE-HORIZONTAL-min
PUBLICIDADE MARE DISTRIBUIDORA HORIZONTAL-min (1)
Foto: Rafael Costa

Uma semifinal de tirar o fôlego, de deixar o torcedor da Apadevi-PB roendo as unhas, mas sem perder as esperanças. Foi assim que o time de Campina Grande encarou a Adesul- CE nas semifinais do Regional Nordeste 2022.

Após uma campanha impecável na fase de grupos e nas quartas-de-final, a Apadevi entrou em quadra buscando fazer valer uma trajetória de atropelos e goleadas, sem nenhum gol sofrido. Mas os cearenses, com uma proposta de marcar forte, fizeram um confronto bastante duro.

PUBLICIDADE

A prova disso é que, pela primeira vez nesse Regional, a Apadevi não marcou gol na primeira etapa da partida, coisa comum nos confrontos anteriores. A situação inusitada na competição criou uma pressão ainda maior na etapa final, mas isso não se transformou em gol.

O zero a zero persistiu até o fim do tempo regulamentar , levando a decisão pros pênaltis. A Apadevi desperdiçou três penalidades, a Adesul parou em três pênaltis defendidos pelo goleiro Douglas e a tensão aumentou ainda mais. Até que Alex chamou a responsabilidade, bateu e fez . Daí coube a Douglas defender a última cobrança dos cearenses e levar a equipe pra decisão.

Na grande final, que será realizada no domingo (24), às 10h15, no Instituto dos Cegos da Paraíba, o adversário será a Apace-JP. Os pessoenses chagaram à final após vencerem a Cedemac-MA, 1X0.

A competição tem a organização da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV).

PB Esportes com informações de Gustavo Rovaris\ Ascom

PUBLICIDADE